Atualizando informações ...

O Fascismo Infinito, No Real e Na Ficcção

Modelo: Sergio Shargel

Não disponível
Sobre o Livro
“O fascismo infinito, no real e na ficção como a literatura apresentou o fascismo nos últimos cem anos”, produto de uma dissertação premiada pela Associação Brasileira de Literatura Comparada (Prêmio Dirce Côrtes Riedel de melhor dissertação do biênio 2020-2021, se estabelece na emergência de seus tempos. O livro transpira contemporaneidade sem, no entanto, buscar respostas fáceis ou falsas coerências. Schargel relaciona análises de historiadores e cientistas políticos conhecidos na análise do fascismo com reflexão sobre os últimos cem anos de produção literárias sobre o tema.
É a partir de sua analise crítica e ousada que o presente livro deve se tornar leitura incontornável para o estudo do fascismo no passado e em nossos dias. Um fascismo que se refunda a partir das politicas dos sentimentos e da adaptação às condições contemporâneas. Um fascismo constituído como risco a ser entendido hoje e sempre, o fascismo eterno das palavras de Umbero Eco e revisitado na obra e no título de Sergio Schargel.
Dr. Michel Gherman, professor de História da UFRJ.
Sobre o Autor Sobre a Editora Características

Sergio Schargel é mestre em Letras pela PUC-Rio e em Ciência Política pela UNIRIO. Conquistou o Prêmio Abralic de melhor dissertação do biênio 2020-2021, que deu origem ao livro "O fascismo infinito, no real e na ficção". Sua pesquisa e produção artística enfocam a relação entre literatura e política e abrangem temas como fascismo, extrema direita, judaísmo e antissemitismo, assim como empreendem o resgate da obra de Sylvia Serafim. Publicou em veículos nacionais e internacionais, como Revista Piauí, Nexo, Folha de S. Paulo, Sociedade e Estado, História, Revista Mexicana de Ciencias Políticas y Sociales, entre outros.

Meu Carrinho

Continuar Comprando