Atualizando informações ...

Liberdade no futuro- a saga da luta pela terra

Ref: 700115000008
Modelo: Carlos Afonso Ilha Noya

Por:
R$ 49,90

ou 6x de R$ 8,32 Sem juros Cartão MasterCard
ou 6x de R$ 8,32 Sem juros Cartão Visa
Estoque insuficiente
* Aqui sua compra é 100% segura, compre com tranquilidade.
Simulador de Frete
- Calcular frete
Frete e prazo de entrega
Sobre o Livro

"Nesse livro o leitor vai tomar conhecimento de como se constitui um acampamento de sem-terra, sua organicidade, sua estrutura interna, suas normas e deveres, a rotina do dia a dia com reuniões e a convivência entre seus membros, assim como são discutidas e preparadas as mobilizações, as caminhadas, os bloqueios de rodovias, as litigiosas ocupações dos latifúndios improdutivos e os tão almejados sorteios de lotes de terra. Nesse romance os fatos e embates descritos são baseados em fatos reais facilmente comprovados, alguns vividos pelo autor e outros dos quais teve conhecimento através de seus participantes. Dificilmente ao cabo da leitura desse surpreendente livro o leitor ficará imune a uma nova compreensão de histórica luta dos trabalhadores sem-terra pela implantação da tão necessária reforma agrária em nosso país. "

Sobre o Autor Sobre a Editora Características

CARLOS AFONSO ILHA NOYA (Cacaio), apesar de sua origem urbana - nasceu em Porto Alegre, capital gaúcha - foi na zona rural que teve suas melhores e mais marcantes experiências. Nos anos de 76 e 77 conviveu junto a um grupo de amigos em uma comunidade alternativa chamada de Pachamama, na localidade denominada Rincão da Roça, no município de Santana do Livramento, na fronteira oeste do estado, propriedade de seus pais. No ano de 81 retornou com o intuito de se tornar produtor rural. Em 86 visitou a ocupação da Fazenda Anonni, em Sarandi, berço do MST, RS. Nesse mesmo ano fez o senso agropecuário do IBGE, onde conheceu o latifúndio em suas minúcias, fazendo com que esse contraste entre os que nada têm e os que muito possuem despertasse sua consciência de classe. A partir daí passou a ler e a estudar as questões agrárias.
No ano de 91 ingressou no Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST), indo acampar em Lagoa Vermelha, norte do estado gaúcho, sendo posteriormente assentado na fronteira no Projeto de Assentamento do INCRA, no Cerro dos Munhoz, Assentamento LIBERDADE NO FUTURO, que dá nome a este livro, retornando a Livramento onde ficou por mais de dez anos. Atualmente está desligado do MST, porém continua a lutar ferrenhamente pela causa dos trabalhadores sem-terra e pela implantação da REFORMA AGRÁRIA em nosso país.

Meu Carrinho

Continuar Comprando