A casa dos impossíveis

A casa dos impossíveis

Refêrencia: 700120000096 Editora: Bestiário Autor: José EduardoDegrazia


Por:
R$ 42,00

ou 6x de R$ 7,00 Sem juros

Calcule o seu frete:

Simulador de Frete
- Calcular frete
Compartilhe nas Redes Sociais

A situação enfocada por Degrazia desenvolve contexto um pouco diferente: dois personagens, um homem e um velho, depois de assaltarem a um banco, escondem-se em uma casa abandonada nos arredores de uma cidade e dela se tornam prisioneiros. Para Degrazia, claramente, não há um dominador e um dominado constantes. As rubricas da peça são claras: a cada cena, o jovem ou o velho vestem um roupão vermelho, uma espécie de símbolo do poder de que usufruem, humilhando o outro. Mas nenhum deles, embora querendo, consegue deixar a casa. O texto pode ser lido tanto enquanto uma crítica ao papel das gerações quanto, na perspectiva metafórica, ser pensado como a ditadura brasileira (alusão indireta ao slogan ?Brasil, ame-o ou deixe-o?, que circulou no pior período da violência do regime ditatorial, o período de Emílio Garrastazu Médici. Os demais textos, a que o autor denomina alternativamente de farsas, comédias ou quadros, focam sua atenção em situações variadas e cujos títulos quase sempre explicitam O maior e, por isso, principal texto que o leitor aqui encontrará chama-se.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.
  • Autor: Livro.vc
  • Editora: Livro.vc
  • Marca: Livro.vc
  • Capa: Capa Comum
  • Peso: 0,200
  • Quantidade: 9999
  • Tamanho: 14x21
  • Tipo de Produto: Livro
  • Data de Publicação: 2020-01-01T00:00:00

José Eduardo Degrazia nasceu em 1951 em Porto Alegre. É médico, poeta e tradutor. Publicou os livros de poemas Lavra permanente (1975), Cidade submersa (1979), A urna guarani (2004), Corpo do Brasil (2011), A flor fugaz (2011) e Lições de Geometria Fantástica (2016), dentre outros. Escreveu os livros de contos O atleta recordista (1996), A orelha do bugre (1998), A terra sem males (2000) e Os leões selvagens de Tanganica (2002), bem como as narrativas longas O reino de Macambira (2005) e A fabulosa viagem do mel de Lechiguana (2008). Traduziu livros de Pablo Neruda — dentre eles, Cantos cerimoniais (1978), Crepusculário (2004), Terceira residência (2004), Jardim de Inverno (2005) e Memorial de Isla Negra (2007), além de outros poetas latino-americanos e italianos. Em 2012, recebeu o Prêmio de Prosa da Academia Mahi Eminescu, na Romênia e, em 2013, o Prêmio Internacional de Poesia de Trieste. Ocupa a cadeira número 1 da Academia Riograndense de Letras.    

 

 

Confira no Portal da Livro.vc

NEWSLETTER Cadastre-se para receber novidades e promoções exclusivas.
PS PRINTSTORE IMPRESSAO DIGITAL LTDA | CNPJ: 73.309.494/0001-64 | IE: 096/2364096 | Rua Câncio Gomes, 219 Porto Alegre/RS - CEP: 90220-060 © Todos os direitos reservados. As fotos, textos e layout aqui veiculados são de propriedade da Loja. É proibida a utilização total ou parcial sem nossa autorização.
Desenvolvido orgulhosamente por Tecnologia Tray e-commerce
Item adicionado ao seu carrinho
Desculpe, estoque indisponível